Selecionando o melhor WMS para sua empresa: dicas essenciais

Selecionando o melhor WMS para sua empresa: dicas essenciais

WMS, ou Sistema de Gerenciamento de Armazéns, é um software utilizado para controlar e otimizar as operações em armazéns e centros de distribuição.

Ele permite o gerenciamento eficiente de estoques, recebimento, armazenagem, separação e expedição de mercadorias. O WMS também oferece recursos de rastreamento e relatórios, melhorando a visibilidade e a precisão das informações sobre o estoque.

Com sua funcionalidade de automatização de processos e alocação de recursos, o WMS aumenta a produtividade, reduz erros e aprimora a eficiência das operações logísticas, tornando-o essencial para empresas que buscam melhorar a gestão de seus estoques e otimizar suas cadeias de suprimentos.

Selecionando o melhor WMS para sua empresa: dicas essenciais

Saber como selecionar o melhor sistema de gerenciamento de armazém (WMS) para sua empresa é uma decisão crucial e que pode ter um impacto significativo nas operações e no sucesso geral do negócio.

Por isso, listamos os fatores mais importantes a serem considerados ao escolher um WMS:

Necessidades específicas do seu negócio: avalie suas necessidades específicas de gerenciamento de estoque e operações de armazém.

Escalabilidade do WMS

Considere o tamanho do estoque, a complexidade das operações, os tipos de produtos e os processos exclusivos do seu negócio.

Escalabilidade: certifique-se de que o WMS seja escalável para atender ao crescimento futuro do seu negócio.

Você deve ser capaz de adicionar mais recursos e funcionalidades à medida que sua empresa se expande.

Integração com outros sistemas: verifique se o WMS pode se integrar facilmente com outros sistemas que você utiliza, como sistemas de gestão de pedidos (OMS), sistemas de planejamento de recursos empresariais (ERP) e sistemas de transporte.

A integração suave é fundamental para a troca de informações.

Facilidade de uso: a usabilidade é importante para garantir que a equipe possa adotar o sistema facilmente. Procure por um WMS com uma interface intuitiva e amigável.

Personalização: considere se o WMS atende às suas necessidades específicas, sem precisar de grandes customizações que possam aumentar os custos e a complexidade.

Treinamento e suporte: verifique se o fornecedor oferece treinamento abrangente para sua equipe e suporte técnico confiável. Um bom suporte é essencial para resolver problemas e manter o sistema funcionando sem problemas.

Custo Total de Propriedade (TCO): além do preço de licença inicial, leve em consideração os custos contínuos, como manutenção, atualizações e suporte. Compare o TCO de diferentes opções.

Transformação Digital na Logística: considere se o WMS oferece suporte a tecnologias emergentes, como Internet das Coisas (IoT), análise de dados avançada e dispositivos móveis, que podem melhorar ainda mais suas operações.

Conectividade do WMS

Compatibilidade com dispositivos móveis: a mobilidade é fundamental para operações eficazes. Certifique-se de que o WMS suporte dispositivos móveis, como scanners de código de barras, tablets e smartphones.

Rastreabilidade e segurança: avalie a capacidade do WMS para rastrear produtos e oferecer recursos de segurança robustos para proteger seus dados e operações.

Experiência do fornecedor: pesquise a reputação e experiência do fornecedor do WMS. Empresas com histórico comprovado de sucesso em implementações são geralmente uma escolha mais segura.

Avaliações e referências: leia avaliações e peça referências a outras empresas que já utilizam o WMS. Isso pode fornecer insights valiosos sobre a eficácia do sistema.

Lembre-se de que a escolha de um WMS é uma decisão estratégica que deve ser alinhada com os objetivos de negócios de longo prazo da sua empresa.

GTI Plug

O GTI Plug pode ser considerado uma excelente opção de sistema de gerenciamento de armazém (WMS) para empresas de diferentes portes devido a uma série de recursos e benefícios que atendem às necessidades específicas de cada categoria empresarial.

Para pequenas empresas que desejam melhorar suas operações de armazenamento sem quebrar o orçamento, o GTI oferece opções acessíveis de planos que cabem no seu bolso.

Apesar de acessível, o GTI Plug também é escalável, o que significa que as pequenas empresas podem começar com uma implementação básica e expandir à medida que crescem, sem a necessidade de uma transição onerosa para um novo sistema.

Já para médias empresas, o GTI Plug auxilia na otimização das suas operações de estoque, melhorando a precisão do controle de estoque, minimizando custos e reduzindo erros de inventário.

Com maior eficiência no processamento de pedidos, organizações podem melhorar a satisfação do cliente, atendendo a pedidos com mais rapidez e precisão.

Para grandes empresas que contam com volumes elevados de mercadoria, o GTI é capaz de lidar com sua demanda, mesmo que sua operação seja complexa.

Além disso, com a API aberta, a integração com outros softwares como ERP’s e TMS é rápida e fácil. Tudo para simplificar o seu dia a dia da melhor maneira possível.

Resumindo: o GTI Plug é uma solução versátil que pode se adaptar às necessidades da sua empresa, seja lá qual for seu tamanho.

Sua acessibilidade, escalabilidade, usabilidade intuitiva e suas outras funcionalidades o tornam uma escolha sólida para empresas de todos os portes que buscam melhorar suas operações de armazém e logística.

Dê o próximo passo rumo a um futuro de sucesso e experimente a transformação que o GTI Plug pode trazer para o seu negócio. Acesse o site https://www.gtiplug.com.br ou entre em contato por aqui.

Expedição de mercadorias: os principais documentos para o sucesso

Expedição de mercadorias: os principais documentos para o sucesso

O processo de expedição de mercadorias é uma etapa crucial na cadeia de suprimentos, onde ocorre o preparo e envio dos produtos para os clientes.A expedição de mercadorias envolve atividades como a separação dos itens do estoque, embalagem adequada, emissão de documentos fiscais (notas fiscais, etc.) e o despacho das mercadorias para o transporte ou entrega.Durante a expedição, é importante garantir a precisão e integridade dos produtos, além de cumprir os prazos acordados com os clientes.Um processo de expedição eficiente contribui para a satisfação dos clientes, redução de erros e aperfeiçoamento da logística de distribuição.

Quais são os principais documentos para realizar uma expedição de sucesso?

https://www.traditionrolex.com/7

Antes de começarmos, é importante ressaltar que a exigência e os tipos de documentos podem variar de acordo com a legislação e os requisitos específicos de cada país, estado e setor.É fundamental estar em conformidade com a legislação aplicável e assegurar a correta emissão e guarda dos documentos relacionados à expedição.Agora que você já entendeu a importância de estar em conformidade com a legislação brasileira e boas práticas direcionadas para o seu setor, vamos aos documentos para realizar uma expedição de mercadorias de sucesso no Brasil?

DANFE:

DANFE (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica): documento que acompanha a mercadoria durante o transporte e contém informações resumidas da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e).Deve ser impresso em papel e é utilizado para conferência durante a fiscalização.

MDF-e:

Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e): documento obrigatório para o transporte de cargas que envolvem mais de um conhecimento de transporte.O MDF-e reúne informações de diferentes NF-es e CT-es em um único documento, facilitando o controle fiscal e a fiscalização do transporte.

DTM:

Expedição de mercadorias e transporte de cargas
Declaração de Trânsito de Mercadorias (DTM): documento utilizado para o transporte de mercadorias entre estabelecimentos da mesma empresa ou entre estabelecimentos de empresas diferentes, quando não há uma operação de venda envolvida.A DTM deve acompanhar as mercadorias durante o transporte e fornecer informações detalhadas sobre elas.

REC:

Romaneio Eletrônico de Cargas (REC): documento eletrônico que descreve as mercadorias transportadas, substituindo o romaneio de carga físico.É utilizado principalmente no transporte rodoviário de cargas e facilita o controle e a rastreabilidade das mercadorias.

Documentos Aduaneiros:

Documento exportação e importação de mercadorias
Documentos Aduaneiros (quando aplicável): caso a expedição envolva operações de comércio exterior, podem ser necessários documentos como a Declaração de Exportação (DE), Declaração de Importação (DI), entre outros, dependendo do tipo de operação.

RPF:

Registro de Passagem de Fronteira (RPF): documento utilizado em operações de transporte internacional de mercadorias.Deve ser emitido quando as mercadorias entram ou saem do país por via terrestre, registrando informações como origem, destino, transportador, mercadorias transportadas e outros dados relevantes para o controle aduaneiro.

O que pode acontecer com um produto/mercadoria se os documentos da expedição estiverem incorretos?

Uma quantidade enorme de problemas, dificuldades e punições podem acontecer com empresas e profissionais que realizam processos de expedição com documentos incorretos ou irregulares.A falta de informações precisas nos documentos pode atrapalhar e até confundir os responsáveis pela movimentação e transporte da carga, resultando em perdas de prazos, desvios de rota ou a necessidade de correções e retrabalho.Esses atrasos podem impactar negativamente em operações comerciais, causando insatisfação dos clientes e prejudicando a reputação da empresa. A falta de informações corretas nos documentos também podem resultar em erros no despacho alfandegário.Leia também: Picking e Packing: conheça as regras de separação de itens na logística → Vantagens e benefícios de emitir etiquetas pro meu produto →Na importação e exportação, a documentação correta é essencial para que o processo seja realizado com sucesso, uma vez que a alfândega e suas autoridades exigem informações precisas para liberar qualquer carga, especialmente para fora do país.Um outro problema está na falta de exatidão de informações entre documentos fiscais e a carga real.
Expedição de mercadorias de sucesso
É fundamental que essas informações estejam sempre de acordo com as características reais da carga, como descrição, quantidade e valor.Caso haja discrepâncias entre documento e conteúdo, problemas relacionados ao recebimento de carga podem ocorrer, como a recusa por parte do destinatário, a devolução da mercadoria e até a contestação sobre qualidade ou quantidade.Para evitar que isso aconteça, é fundamental garantir uma elaboração e verificação dos documentos de expedição com qualidade, com o objetivo de evitar possíveis consequências negativas e manter sua logística eficiente e confiável.

Grupo Emtel

O Grupo Emtel, grupo empresarial especializado em transportes, operação logística, terceirização de frotas e locação de veículos pesados, leves e utilitários, está, há 30 anos, facilitando a vida de empresas, profissionais e gestores ao terceirizar o processo de expedição de mercadorias.Ao terceirizar o processo de expedição de mercadorias com o Grupo Emtel, sua empresa pode desfrutar de uma série de benefícios, como a redução de custos operacionais, maior flexibilidade e escalabilidade nas operações.Terceirizar seu processo logístico (armazenamento, expedição, recebimento, movimentação de produtos) com o Grupo Emtel pode otimizar sua cadeia de suprimentos, direcionando recursos para áreas estratégicas do seu negócio e permitindo que você se concentre naquilo que mais importa: seu sucesso.Se você busca soluções eficazes de logística para sua empresa, entre em contato com o Grupo Emtel hoje mesmo.Visite nosso site em https://grupoemtel.com.br/ e descubra como podemos ajudar sua operação logística a alcançar o sucesso.
O Processo de Recebimento no Armazém

O Processo de Recebimento no Armazém

Processo de Recebimento no Armazém é uma das etapas mais importantes de toda a logística interna desse departamento, que inclui:

  1. Recebimento
  2. Conferência e Endereçamento
  3. Identificação dos Itens
  4. Estocagem ou Armazenamento
  5. Separação dos Itens
  6. Embalagem
  7. Expedição

Ou seja, tudo começa com o Processo de Recebimento e se ele não for tratado com a sua devida importância, o item entra errado no Armazém e consequentemente todas as outras etapas seguirão essa incoerência.

Por isso, neste artigo, vamos falar desse assunto que faz parte da rotina de muitos armazéns e explicar o porquê o Recebimento no Armazém é tão importante.

Continue lendo e saiba mais sobre o assunto!

Processo de Recebimento no Armazém: Uma das etapas mais importantes em um armazém

Antes de mais nada, o que é o Processo de Recebimento no Armazém? Ele é a etapa que ocorre assim que os itens adquiridos chegam em seu galpão.

Nesse sentido, a grande importância dessa fase é que, se não bem realizada, pode ocasionar incoerências, falhas e perdas em todo o processo de armazenagem e controle de estoque.

Do mesmo modo que controlar o estoque e realizar a compra dos itens com uma boa margem de rentabilidade para a sua empresa, garantir que o Processo de Recebimento no Armazém seja bem feito aumenta a produtividade e elimina desperdícios.

Mas como fazer isso alinhado com as melhores práticas de mercado?

Entenda as etapas do Processo de Recebimento no Armazém

1. Avaliação quantitativa

Imediatamente em que os itens são entregues pelo fornecedor, deve se iniciar o Processo de Recebimento no Armazém.

Nessa etapa quantitativa o usuário irá checar quantidade de itens, separar em um espaço adequado para realizar o Recebimento e garantir que a entrada desses produtos será feita de forma correta no estoque.

2. Avaliação qualitativa

Logo depois, se inicia o processo de conferência mais minuciosa, onde serão avaliadas as especificações dos itens entregues, comparadas ao que foi adquirido pelo comprador.

Nesse interim, deve ser feita a checagem de dimensões, modelo, marca, cor, partnumber dos itens que estão sendo recebidos.

Nesse momento, os itens em desacordo com o pedido de compra devem ser separados para serem substituídos pelo fornecedor.

3. Conferência da nota

Anteriormente a entrada da nota no sistema, o usuário deve garantir que ela esteja de acordo com o que foi pedido.

Afinal, por mais que o valor da compra esteja em conformidade, os itens adquiridos devem estar em 100% de conformidade.

Essa fase de checagem entre nota entregue com o que foi comprado, pode ser feita antes das avaliações quantitativas e qualitativas, porém é importante você entender que, sendo feita posteriormente, as chances de acerto no lançamento são maiores.

4. Identificação dos Itens e Estocagem ou Armazenamento

Posteriormente ao Recebimento e Conferência o usuário irá identificar os itens, seguido as regras de endereçamento do seu Armazém, dar entrada no sistema e estocar no seu devido lugar.

Por que você deve apostar na Conferência Cega?

Quando o usuário está de posse da nota fiscal do fornecedor ou do pedido de compras, o processo de Conferência de mercadorias poderá se tornar mais tendencioso a seguir o que está informado na documentação.

Assim, promover ao usuário um ambiente onde ele vai realizar a conferência das mercadorias, informando o que encontrou no meio físico sem ter noção do que se encontra no pedido ou na nota fiscal, tende a ser um processo mais confiável para o Gestor de Operações.

Posteriormente, sistêmica ou manualmente é feita uma comparação entre o que se esperava ter recebido e o que realmente chegou ao Armazém para sim poder dar entrada e finalizar o Recebimento.

Posso automatizar o Processo de Recebimento no Armazém?

Não só pode como deve!

Utilizar a tecnologia a seu favor é mais um aliado junto da conferência cega pois, além de agilizar o processo de Recebimento no Armazém, reduz substancialmente a possibilidade de erros de apontamentos manuais realizados por usuários.

Se o processo de Controle de Armazém aí na sua empresa ainda não é automatizado ou integrado, a GTI Plug tem uma solução completa para você.

Somos um WMS que, além de integrar com os melhores ERPs de mercado e operar 100% online, está preparado para trabalhar tanto com o código de barras quanto com a RFID.

Nosso time técnico é altamente capacitado para suportar toda a sua operação, garantindo que ela esteja 100% disponível.

Entre em contato conosco e tenha ao seu lado um parceiro preparado e especialista em outsourcing de mobilidade, identificação e captura automática de dados!