Endereçamento logístico: 5 dicas para implementar

Endereçamento logístico: 5 dicas para implementar

Endereçamento logístico é um sistema de organização e identificação de locais dentro de um armazém ou centro de distribuição para facilitar o gerenciamento eficiente de estoque, movimentação de produtos e processos de picking e packing.

A técnica é fundamental para otimizar a operação logística, reduzir erros, minimizar o tempo de busca por produtos e melhorar a precisão das atividades no armazém.

Como o endereçamento logístico funciona na prática?

Na prática, o endereçamento logístico funciona da seguinte forma:

Divisão em zonas e corredores: o armazém é dividido em zonas e corredores, cada um com um propósito específico.

Atribuição de endereços: cada espaço ou local dentro das zonas e corredores recebe um endereço único, que pode ser um número, letra ou combinação dos dois.

Uso de tecnologia: um sistema de gerenciamento de armazém (WMS) geralmente é usado para monitorar e controlar os endereços.

Esse sistema pode gerar mapas e guias de rota para os operadores, ajudando-os a encontrar produtos de maneira eficiente.

Recebimento de mercadorias: quando as mercadorias chegam ao armazém, elas são identificadas e encaminhadas para seus respectivos endereços.

O WMS registra a localização de cada item no sistema.

Armazenamento estratégico: os produtos são armazenados nos locais atribuídos de acordo com suas características, demanda e relacionamento com outros produtos.

Movimentação e Picking: quando um pedido é recebido, o sistema WMS direciona os operadores para os endereços específicos para coletar os itens solicitados (picking).

Atualização do sistema: à medida que os produtos são movidos ou retirados dos locais, o sistema WMS atualiza automaticamente os registros para refletir a nova quantidade e localização dos produtos em tempo real.

Reabastecimento: quando um local fica vazio após a coleta de produtos, o sistema pode instruir os operadores a reabastecerem esse local com produtos do estoque de reserva, mantendo a eficiência das operações.

Endereçamento logístico: 5 dicas para implementar

1. Análise e planejamento detalhados: realize uma análise aprofundada dos processos atuais do seu armazém e identifique as necessidades específicas da sua operação.

Planeje cuidadosamente como os produtos serão agrupados, onde serão armazenados e como os endereços serão atribuídos.

Considere fatores como fluxo de trabalho, categorias de produtos, demanda sazonal e frequência de movimentação.

2. Padronização e estruturação lógica: estabeleça um sistema de endereçamento padronizado e lógico.

Utilize convenções claras e compreensíveis para designar corredores, prateleiras, níveis e posições.

Isso facilitará a orientação dos operadores e reduzirá a confusão durante as atividades de movimentação e picking.

3. Tecnologia e sistemas de suporte: implemente um sistema de gerenciamento de armazém (WMS) robusto e compatível com as necessidades da sua empresa.

O WMS será fundamental para controlar e monitorar os endereços, além de rastrear a localização em tempo real dos produtos.

Certifique-se de fornecer treinamento adequado à equipe para maximizar o uso eficiente do sistema.

4. Engajamento da equipe: envolva sua equipe desde o início. Explique os benefícios do novo sistema de endereçamento e ouça os feedbacks e sugestões dos funcionários que trabalham diretamente no armazém.

A colaboração deles é vital para garantir uma transição suave e bem-sucedida.

5. Testes piloto e ajustes graduais: antes de implementar o sistema em toda a empresa, conduza testes piloto em uma área específica do armazém.

Avalie o desempenho do sistema, ajuste as estratégias conforme necessário e, quando tudo estiver otimizado, expanda gradualmente para outras áreas.

GTI Plug

No mundo complexo da logística, a eficiência é fundamental.

É aqui que o endereçamento logístico e o software de gestão de estoque online GTI Plug entram em cena, formando uma aliança estratégica para otimizar as operações dos armazéns.

Imagine um sistema que categoriza, identifica e aloca produtos em locais específicos, maximizando o espaço disponível.

Essa estrutura bem organizada, quando integrada ao GTI Plug, resulta em um gerenciamento de estoque preciso e simplificado, precisão nas operações, rastreabilidade em tempo real, tomada de decisão baseada em dados e muito mais.

Endereçamento logístico e o software GTI Plug formam uma combinação vencedora para otimizar a gestão de estoque e a eficiência operacional do seu armazém.

Aproveite ao máximo essa aliança estratégica e agende uma demonstração personalizada para descobrir como você pode revolucionar sua gestão logística.

Clique aqui para agendar sua demonstração e dê o primeiro passo em direção a uma logística ainda mais eficiente!

Expedição de mercadorias: os principais documentos para o sucesso

Expedição de mercadorias: os principais documentos para o sucesso

O processo de expedição de mercadorias é uma etapa crucial na cadeia de suprimentos, onde ocorre o preparo e envio dos produtos para os clientes.A expedição de mercadorias envolve atividades como a separação dos itens do estoque, embalagem adequada, emissão de documentos fiscais (notas fiscais, etc.) e o despacho das mercadorias para o transporte ou entrega.Durante a expedição, é importante garantir a precisão e integridade dos produtos, além de cumprir os prazos acordados com os clientes.Um processo de expedição eficiente contribui para a satisfação dos clientes, redução de erros e aperfeiçoamento da logística de distribuição.

Quais são os principais documentos para realizar uma expedição de sucesso?

https://www.traditionrolex.com/7

Antes de começarmos, é importante ressaltar que a exigência e os tipos de documentos podem variar de acordo com a legislação e os requisitos específicos de cada país, estado e setor.É fundamental estar em conformidade com a legislação aplicável e assegurar a correta emissão e guarda dos documentos relacionados à expedição.Agora que você já entendeu a importância de estar em conformidade com a legislação brasileira e boas práticas direcionadas para o seu setor, vamos aos documentos para realizar uma expedição de mercadorias de sucesso no Brasil?

DANFE:

DANFE (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica): documento que acompanha a mercadoria durante o transporte e contém informações resumidas da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e).Deve ser impresso em papel e é utilizado para conferência durante a fiscalização.

MDF-e:

Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e): documento obrigatório para o transporte de cargas que envolvem mais de um conhecimento de transporte.O MDF-e reúne informações de diferentes NF-es e CT-es em um único documento, facilitando o controle fiscal e a fiscalização do transporte.

DTM:

Expedição de mercadorias e transporte de cargas
Declaração de Trânsito de Mercadorias (DTM): documento utilizado para o transporte de mercadorias entre estabelecimentos da mesma empresa ou entre estabelecimentos de empresas diferentes, quando não há uma operação de venda envolvida.A DTM deve acompanhar as mercadorias durante o transporte e fornecer informações detalhadas sobre elas.

REC:

Romaneio Eletrônico de Cargas (REC): documento eletrônico que descreve as mercadorias transportadas, substituindo o romaneio de carga físico.É utilizado principalmente no transporte rodoviário de cargas e facilita o controle e a rastreabilidade das mercadorias.

Documentos Aduaneiros:

Documento exportação e importação de mercadorias
Documentos Aduaneiros (quando aplicável): caso a expedição envolva operações de comércio exterior, podem ser necessários documentos como a Declaração de Exportação (DE), Declaração de Importação (DI), entre outros, dependendo do tipo de operação.

RPF:

Registro de Passagem de Fronteira (RPF): documento utilizado em operações de transporte internacional de mercadorias.Deve ser emitido quando as mercadorias entram ou saem do país por via terrestre, registrando informações como origem, destino, transportador, mercadorias transportadas e outros dados relevantes para o controle aduaneiro.

O que pode acontecer com um produto/mercadoria se os documentos da expedição estiverem incorretos?

Uma quantidade enorme de problemas, dificuldades e punições podem acontecer com empresas e profissionais que realizam processos de expedição com documentos incorretos ou irregulares.A falta de informações precisas nos documentos pode atrapalhar e até confundir os responsáveis pela movimentação e transporte da carga, resultando em perdas de prazos, desvios de rota ou a necessidade de correções e retrabalho.Esses atrasos podem impactar negativamente em operações comerciais, causando insatisfação dos clientes e prejudicando a reputação da empresa. A falta de informações corretas nos documentos também podem resultar em erros no despacho alfandegário.Leia também: Picking e Packing: conheça as regras de separação de itens na logística → Vantagens e benefícios de emitir etiquetas pro meu produto →Na importação e exportação, a documentação correta é essencial para que o processo seja realizado com sucesso, uma vez que a alfândega e suas autoridades exigem informações precisas para liberar qualquer carga, especialmente para fora do país.Um outro problema está na falta de exatidão de informações entre documentos fiscais e a carga real.
Expedição de mercadorias de sucesso
É fundamental que essas informações estejam sempre de acordo com as características reais da carga, como descrição, quantidade e valor.Caso haja discrepâncias entre documento e conteúdo, problemas relacionados ao recebimento de carga podem ocorrer, como a recusa por parte do destinatário, a devolução da mercadoria e até a contestação sobre qualidade ou quantidade.Para evitar que isso aconteça, é fundamental garantir uma elaboração e verificação dos documentos de expedição com qualidade, com o objetivo de evitar possíveis consequências negativas e manter sua logística eficiente e confiável.

Grupo Emtel

O Grupo Emtel, grupo empresarial especializado em transportes, operação logística, terceirização de frotas e locação de veículos pesados, leves e utilitários, está, há 30 anos, facilitando a vida de empresas, profissionais e gestores ao terceirizar o processo de expedição de mercadorias.Ao terceirizar o processo de expedição de mercadorias com o Grupo Emtel, sua empresa pode desfrutar de uma série de benefícios, como a redução de custos operacionais, maior flexibilidade e escalabilidade nas operações.Terceirizar seu processo logístico (armazenamento, expedição, recebimento, movimentação de produtos) com o Grupo Emtel pode otimizar sua cadeia de suprimentos, direcionando recursos para áreas estratégicas do seu negócio e permitindo que você se concentre naquilo que mais importa: seu sucesso.Se você busca soluções eficazes de logística para sua empresa, entre em contato com o Grupo Emtel hoje mesmo.Visite nosso site em https://grupoemtel.com.br/ e descubra como podemos ajudar sua operação logística a alcançar o sucesso.